Data: novembro 5, 2020

Unigel lança linha de produtos sustentáveis desenvolvidos com plástico pós-consumo

A Unigel – uma das maiores petroquímicas do país – desenvolveu uma marca de produtos sustentáveis chamada ECOGEL®. Dentro deste novo conceito, a Unigel anuncia a criação de uma nova linha de Poliestirenos com conteúdo de material reciclado. O propósito é produzir resinas de poliestireno a partir de materiais pós-consumo, reintroduzindo-os como novas resinas a serem destinadas para bens duráveis. “Queremos cada vez mais retirar este nobre material dos locais inadequados onde eles são erroneamente descartados”, explica Wendel Souza, Diretor Geral de Operações Comerciais da Unigel.
O produto tem lançamento marcado para setembro e tem como principal objetivo garantir a circularidade do poliestireno na cadeia, minimizando os impactos do descarte inadequado. Lançar um novo produto neste contexto é extremamente importante para a Unigel, para os clientes e, principalmente, para o meio ambiente e para a sociedade como um todo.
“A Unigel vem estudando este lançamento com muita dedicação, pois nossa intenção é divulgar um conceito genuinamente adotado por nós e demais elos da cadeia do plástico. Muito mais que reforçar nosso compromisso com a inovação e o desenvolvimento sustentável em nosso dia a dia, o lançamento da linha de Poliestireno ECOGEL® tem como objetivo desenvolver produtos e soluções a partir do plástico pós-consumo, e este é apenas o início. Buscamos sensibilizar clientes com essa iniciativa tão importante para fomentar a economia circular, fortalecendo cada vez mais a conscientização sobre o descarte correto”, afirma.
A marca ECOGEL® dará vez para o produto de origem reciclada. No primeiro produto lançado serão utilizados até 30% de material reciclado em sua composição. A demanda por soluções sustentáveis tem aumentado em praticamente todos os setores da economia.
“O desenvolvimento da linha do Poliestireno ECOGEL® será realizado por meio de parcerias com clientes, recicladores, cooperativas e brand owners. O consumidor final é o elo principal desta cadeia e, sem a correta destinação de materiais recicláveis para reaproveitamento não é possível ter eficiência na circularidade. Todos precisam estar caminhando juntos neste nosso novo desafio”.

O plástico
Pela sua leveza, versatilidade e baixo custo, o plástico se popularizou muito rapidamente. Toda a população, consciente ou inconscientemente, usufrui dos benefícios deste material, utilizando-o no seu cotidiano, seja como embalagens, artigos médicos, utensílios domésticos, utensílios de higiene pessoal etc., seja como componentes nos eletrodomésticos, automóveis, artigos da construção civil entre outros.
“O plástico demora 450 anos para se decompor. A pergunta que sempre nos fazemos é: isto é ruim? Um produto com esta durabilidade e com a propriedade de ser reciclado infinitas vezes sem perder sua propriedade deveria ser festejado por todas as pessoas. E qual é o problema envolvendo plástico, então? Bom, nem sempre descartamos este valioso material em locais corretos e por conta disto ele acaba sendo destinado em lugares onde ele jamais deveria estar”, explica o Diretor.
Durante a pandemia, a população voltou a perceber a vantagem em utilizar materiais descartáveis como embalagens alimentícias, copos, pratos e talheres como importante medida sanitária para evitar a propagação de doenças transmissíveis como a COVID-19.
Com todos os benefícios do plástico, desde sua invenção, sua produção cresceu mais rapidamente do que a consciência com o descarte adequado e a sua reutilização como parte do processo normal de fabricação de novos produtos plásticos.
Pensando em evitar que este nobre material seja descartado como lixo comum, a Unigel vem desenvolvendo soluções em uma grande rede de sustentabilidade, envolvendo seus clientes, transportadores, cooperativas de recicladores e fornecedores, para aproveitar todo potencial que enxergamos no material pós consumo produzidos por ela.

  •